SACO DO NOEL: UM BILHÃO A SER SURRUPIADO.

12 dez 2017

Por: Mino Pedrosa

O natal chegou na Câmara Legislativa em Brasília. A tradição seria o bom velhinho descer pela chaminé trazendo no saco bons projetos para à população. Mas, não foi bem assim que aconteceu ontem na reunião de líderes na câmara distrital. O velhinho mal, saiu pelo esgoto da câmara com o saco cheio de maldades tentando empurrar uma emenda submarino de HUM BILHÃO de reais surrupiado do IPREVI-DF.

O velhinho, conhecido da população do DF, por fazer maldades, governador Rodrigo Rollemberg, mandou pelo esgoto do Palácio do Buriti para seus asseclas na câmara, aprovar emenda sem plano de destinação da verba, que com certeza será aplicada para despejar recursos do fundo dos servidores do GDF durante à campanha de 2018. A verba surrupiada será camuflada em obras para enganar os olhos dos eleitores no DF.

Na madrugada do dia 27 de setembro, o Governador Rollemberg que tem a maioria dos deputados distritais, pau mandados e abutres dos cofres públicos, mandou tratorar a minoria oposição ao GDF em dois turnos aprovando o projeto de lei que altera a previdência dos servidores públicos da capital. Isso foi um golpe nos futuros servidores aposentados. Atualmente, o Distrito Federal mantém dois fundos de previdência para o serviço público: o DFPrev, para servidores que ingressaram até dezembro de 2006 e o Iprev para quem chegou depois. Enquanto o primeiro gera um déficit por ter mais inativos que ativos, no outro sobra dinheiro. O que justifica o interesse de Rollemberg, em administrar com lupa esses recursos. O saco, cheio de maldades está nas costas do presidente da câmara Joe Valle. Resta saber se Joe Valle vai suportar o peso de UM BILHÃO nas costas faltando menos de um ano para as eleições.