Brasília, 19 de janeiro de 2018
5 jan 2018

Passe livre é bloqueado para estudantes que fazem aulas de verão no DF

Parte dos alunos que cursam disciplinas de férias na Universidade de Brasília (UnB) deram de cara com o ônibus se recusando a aceitar o passe livre estudantil. A mensagem que aparece é a de “cartão vencido”. O governo tinha prometido não bloquear o benefício a estudantes do Distrito Federal que fazem curso de verão.

Um dos atingidos é o estudante de biblioteconomia Leonardo Marçal, que gravou um vídeo . Assim como ele, outros estudantes, como Mylena Viriato e Marcelo Café, também relataram passar pela mesma situação.

De acordo com o DFTrans, os cartões foram suspensos de acordo com calendários escolares encaminhados pelas instituições de ensino. A UnB encaminhou em dezembro a relação de alunos que fariam disciplina de verão.

“Na última quarta-feira (3) à tarde, contudo, a instituição enviou o complemento da relação de estudantes que estão frequentando esses cursos. Neste caso, estes estudantes somente tiveram o cartão liberado a partir desta sexta-feira (5)”, declarou o DFTrans.

Estudante recebe passe livre estudantil em guichê (Foto: Dênio Simões/Agência Brasília)Estudante recebe passe livre estudantil em guichê (Foto: Dênio Simões/Agência Brasília)

Estudante recebe passe livre estudantil em guichê (Foto: Dênio Simões/Agência Brasília)

O órgão recomenda procurar a instituição de ensino para verificar se o nome foi enviado de fato. Caso sim, deve então comparecer a um posto do DFTrans para verificar se há algum problema com o cartão.

Já a UnB informou que aproximadamente 16 mil alunos estão nas duas listas enviadas ao DFTrans – em 29 de dezembro e 3 de janeiro. Estudantes matriculados depois disso vão constar em uma terceira lista ainda a ser elaborada. “O DFTrans confirmou a liberação do passe livre estudantil para todos os estudantes que constavam nessas duas listas.”

Segundo a universidade, o benefício é garantido a todos os estudantes da pós-graduação, estudantes matriculados em cursos de verão e estudantes que possuem atividades acadêmicas e foram informadas pelos professores.

Fonte: G1