Cultura & Diversão

Cinemas fazem homenagem a Merilyn Monroe

03/08/201220:40

Twitter  Facebook imprimir enviar para amigo comente essa notícia

Foto: Divulgação

(Some Like It Hot, EUA, 1959) Um dos maiores clássicos da carreira de Marilyn Monroe, cuja morte completa 50 anos neste domingo, a comédia que volta ao cartaz é um ótimo programa para relembrar a atriz, esfuziante no filme como integrante de uma orquestra feminina. O longa traz os divertidos Jack Lemmon e Tony Curtis vestidos de mulher para fugir da máfia de Chicago — eles presenciaram um assassinato e agora precisam se esconder, mas o plano, como se verá, trará uma série de engraçadas confusões. Dirigido por Billy Wilder, o longa tem cenas antológicas, como aquela em que um milionário, ao descobrir que Lemmon é mulher, exclama, dando de ombros: “Ninguém é perfeito”.  E aquela em que a atriz canta e dança, sacudindo o corpo, à frente da orquestra feminina em que os fugitivos Lemmon e Curtis se infiltram, para desespero de um cada vez mais apaixonado Curtis.

*Divulgação