Desembargador João Pedro Gebran Neto Mantém Lula Preso

Por Rômulo Loiola

O Desembargador relator dos processos da Lava jato determina que a Polícia Federal mantenha preso o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Essa ordem  cancela o Habeas Corpus deferido pelo também desembargador Rogério Fraveto que havia autorizado a liberação de Lula.

Com essa decisão o imbróglio jurídico que se formou, fica pelo menos por enquanto resolvido. O juiz da Lava Jato, Sérgio Mouro, questionou imediatamente o deferimento favorável a soltura do ex-presidente e foi seguido pelo Ministério Público Federal e também pelo relator da Lava Jato.

Na decisão o relator Gebran Neto justifica que o Habeas Corpus dado pelo plantonista poderia ser revisto. “Determino que a autoridade coatora e a Polícia Federal do Paraná se abstenham de praticar qualquer ato que modifique a decisão colegiada da 8ª Turma”, assina Gebran.